Give me something I can believe
1 2 3 4 5 »
Se resolver ir embora, a porta está aberta. Não te prendo e nem te imploro. Mas se quiser voltar, meu bem, talvez eu já tenha trocado a fechadura...

4° bimestre está chegando, e junto com ele o meu desespero.


“Mas é que a gente precisa ser forte, pequena. A gente precisa se jogar num abismo sem medo da queda, e se doer, engolir as lágrimas. A gente precisa erguer o braço e mostrar o tamanho do músculo, precisa fazer os outros acharem que a gente é de ferro, mesmo de seja de seda, mesmo que seja frágil como uma folha de papel.”
Bernadete  (via garotaesuasfases)

“As vezes você precisa tomar um chá de realidade. Machuca, mas logo passa.”
Coldles.  (via d-espreparado)




“Mas tudo bem, tô calmo e ponderado. Embora a vontade seja de agredir todo mundo, dizer meia dúzia de verdades e sair pisando duro. Não vou fazer nenhuma loucura.”
Caio Fernando Abreu.  (via reamaste)

“Eu vou ser sempre aquele band-aid tentando tampar a ferida inteira.”
carpejar (via reamaste)

“Se eu pudesse escolher, é claro que não estaria ali. Só que eu nem sei onde estaria, e o primeiro lugar que me vem à tona não é exatamente um lugar, e assim percebo que na verdade não tenho nenhum rumo em mente. Nem pra onde ir, nem o que fazer, e nem quem procurar.”
Gabito Nunes.  (via thiaramacedo)

“Veja o que o tempo faz, eu nem te conheço mais.”
Fresno. (via thiaramacedo)